Pontos turísticos da Argentina

A Argentina é um país muito visitado pelos brasileiros, isso porque aparecem muitas promoções para a Argentina e também porque é relativamente fácil ir para lá, já que não é necessário passaporte ou visto.

A Argentina pode até atrair os turistas brasileiros por causa da facilidade e por ser mais barato do que algumas viagens para o Brasil. Mas uma coisa é certa, quem vai conhecer nosso país vizinho certamente fica apaixonado pelos pontos turísticos da Argentina.

publicidade
 pontos turísticos da argentina

Pontos turísticos da Argentina

Com paisagens belíssimas e variadas, indo desde montanhas nevadas até extensas plantações de uva, a Argentina atrai turistas com todos os gostos e bolsos. Aqui vamos falar um pouco dos principais pontos turísticos da Argentina para você se apaixonar também.

Principais pontos turísticos da Argentina

Cerro Catedral

Um dos primeiros pensamentos de quem vai para a Argentina no inverno é esquiar e mesmo quem não vai para a Argentina para esquiar, pensa em colocar Bariloche no roteiro. E não tem lugar melhor para esquiar na Argentina do que no Cerro Catedral.

O Cerro Catedral é o maior complexo de esqui na América do Sul e por isso é um dos principais pontos turísticos da Argentina. Ele é interessante até mesmo para quem não pensa em esquiar. O Cerro é rodeado por bosques e pelo lago, tendo uma bela vista.

 cerro catedral

Cerro Catedral. Crédito: Wernerluis, via Wikimedia Commons

Além do esqui, no Cerro Catedral tem diversas outras atividades, você pode conferir quais são e os valores clicando aqui.

Glaciar Perito Moreno

Situado mais ao sul da Argentina, o Glaciar Perito Moreno é um dos principais cartões postais do país e certamente um dos principais pontos turísticos da Argentina.
O glaciar é uma enorme parede de gelo com 60 metros de altura e fica no Parque Nacional los Glaciares.
O parque é muito organizado, com passarelas que chegam bem próximo do glaciar e você pode também contratar um passeio de barco para chegar mais perto ainda do Glaciar Perito Moreno.

Existem também passeios para fazer trekking sobre o glaciar, para saber mais informações sobre o trekking visita a página do Hielo y Aventura, única forma empresa autorizada para fazer esse trekking.

 glaciar perito moreno

Glaciar Perito Moreno

A cidade mais próxima do glaciar é El Calafate e é possível chegar lá em um voo direto partindo de Buenos Aires. As estradas são boas, então é possível ir de ônibus ou carro, mas tenha em mente que essa cidade fica bem ao sul da Argentina, então é bem longe.

Monte Fitz Roy

Esse é um dos pontos turísticos da Argentina para quem gosta mais de aventuras, já que só é possível chegar na montanha por trekking.
A trilha para chegar no Fitz Roy é de 25 km com muitos altos e baixos, sendo bem cansativa. Mas se você tiver preparo, pode ter certeza que não vai se arrepender de ir, esse é um dos lugares mais bonitos da Argentina.

publicidade
 monte fitz roy

Monte Fitz Roy

A cidade mais próxima da montanha é El Chaltén e para chegar nela tem que ir antes para El Calafate e de lá pegar um ônibus para El Chaltén. A passagem custa em torno de AR$450,00 e a viagem dura em média três horas. Você pode comprar a sua passagem antecipadamente pelo site da Plataforma 10.

La Boca

O bairro mais colorido de Buenos Aires e talvez o mais simpático também, La Boca atrai muitos turistas que visitam a capital argentina. O bairro é repleto de casinhas coloridas, muitos souvenires e muitos barzinhos para comer um petisco enquanto toma uma Quilmes.
O principal atrativo do bairro é El Caminito, na verdade é nessa rua que tem toda a parte turística e lá também é possível tirar aquelas fotos fazendo pose como se estivesse dançando tango.

 el caminito

El Caminito

O bairro é meio perigoso, por isso é bom evitar uma visita à noite e não saia da rota turística dele. Além disso, por não ter atrativos além do El Caminito e do estádio de futebol Boca Juniors e por ser perigoso, não é recomendado se hospedar nele.

Aconcágua

Na fronteira com o Chile, o monte Aconcágua é a montanha fora da Ásia mais famosa do mundo e é o ponto mais alto das Américas. A montanha fica no Parque Provincial Aconcagua, em Mendoza, na região norte da Argentina.

É possível fazer um trekking para chegar no cume do Aconcágua, porém por mais que esse não seja um trekking que necessita muito preparo técnico, a altitude pode fazer com que muitos se sintam mal na subida.

Se você quiser explorar a região, mas sem fazer um trekking até o cume, pode fazer um trekking de 2 km até a Laguna Horcones, da onde se tem uma vista privilegiada do monte.

aconcagua

Aconcágua

Para mais informações acesse o site oficial do parque.

Canal Beagle

O Canal Beagle está localizado no extremo sul da Argentina e tem o farol que é um dos principais cartões postais da patagônia argentina, sendo um dos principais pontos turísticos da Argentina.

Para conhecer o canal você deve ir até a cidade Ushuaia, também conhecida como o fim do mundo e contratar um dos passeios de barco.

Você pode chegar em Ushuaia de ônibus, carro ou avião. A estrada que liga Ushuaia com o resto da
Argentina passa pelo Chile, então se você for com carro alugado é importante ter permissão para atravessar a fronteira.

Na verdade, dá para ver o canal da cidade, porém o ideal é fazer o passeio de barco. Com ele além de passar pelo farol, você vai poder conhecer outras ilhas, como dos Pássaros, Alicia, Bridges e Redonda e no caminho vai poder ver vários animais da região, como lobos marinhos, pinguins e aves marinhas. Da Ilha Bridges é possível ver a união do oceano Pacífico e Atlântico.

 ilha bridges

Ilha Bridges

Você pode contratar o passeio na cidade ou diretamente no porto e saem barcos de manhã e à tarde. Mesmo que o dia pareça quente, é importante levar roupas de frio e para proteger a boca e os ouvidos, isso porque no canal e, principalmente, na Ilha Bridges venta muito. Além disso, o tempo em Ushuaia pode mudar de uma hora para a outra.

publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *